segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Bioética nos consultórios

Uma turma que está aprendendo a trabalhar com ética

Cartazes lembram o cuidado que se deve ter com os dentes

A releitura da arte dos grandes pintores e os dentinhos expostos no mural: o belo sorriso também deve ser arte!

Desenhos de dentinhos alegres estimulam os pequenos a encarar a escova!

Visitaram nossa escola, na semana passada, os alunos Maria Eduarda, Taira, Luíza, Amália e Thiago, da disciplina de Bioética da Faculdade de Odontologia da UFPel. O objetivo da visita dos alunos é a realização da pesquisa Os traumas depois do consultório dentário, projeto este assinado pelos professores doutores Luís Rubira (professor da disciplina de Bioética) e Marcos Torriani ( presidente do Comitê de Ética e Pesquisa) e que visa a fazer um levantamento de traumas (emocionais, psíquicos e orgânicos) sofridos por determinadas pessoas após terem frequentado o consultório dentário. Devendo ser a ética uma das principais preocupações de todos aqueles que exercem uma profissão, esse estudo realizado pela universidade pretende que os alunos do Curso de Odontologia possam, no futuro, no exercício da profissão, respeitar os princípios éticos buscando evitar sofrimento às pessoas que frequentarem os consultórios dentários.

2 comentários:

Ricardo disse...

A aproximação da Universidade com as escolas de ensino básico é uma interessante forma levar o conhecimento acadêmico até as comunidades. Já temos o Projeto Edhuca da Faculdade de Direito e agora o pessoal da Odontologia. Que venham outros, nossa escola está aberta.

EMEF João da Silva disse...

Tal aproximação é mesmo necessária. A isso se chama extensão. Universidades que se prezam e são públicas devem esse retorno à comunidade!Os organizadores desses projetos estão de parabéns!